Pular para o menu

ACT

A saída é coletiva

Publicar no Na Hora: 
Publicar no Na Hora

Covardia. Essa é a palavra que sintetiza a postura da gestão da Petrobrás ao negar direitos básicos para os trabalhadores terceirizados, liberar demissões em massa e criminalizar a liberdade e autonomia sindical.

Imagem para destaque: 
destaque
Crédito da imagem: 
Arquivo
Publicar no destaque principal: 
Publicar no destaque principal
Publicar no destaque secundário: 
off
Compartilhar:

FUP e FNP discutem ação conjunta em defesa do ACT

Publicar no Na Hora: 
Publicar no Na Hora

Dirigentes da FUP e da FNP se reuniram na manhã desta quarta-feira, 22, para discutir estratégias de negociação conjunta com a Petrobrás e subsidiárias durante a campanha reivindicatória. A primeira reunião com a empresa acontece nesta tarde, quando ambas as entidades cobrarão a renovação do Acordo Coletivo de Trabalho, como já foi protocolado pela FUP e FNP no último dia 15.

Imagem para destaque: 
destaque
Crédito da imagem: 
Arquivo
Publicar no destaque principal: 
Publicar no destaque principal
Publicar no destaque secundário: 
off
Compartilhar:

FUP entrega proposta de renovação de ACT

Publicar no Na Hora: 
Publicar no Na Hora

A Federação Única dos Petroleiros entregou nesta quarta, 15, proposta de renovação do Acordo Coletivo para os próximos dois anos, ao final da reunião de acompanhamento de acordo. A FUP e seus sindicatos, entendem que hoje, o acordo coletivo representa uma das maiores conquistas da categoria petroleira e é reconhecido nacionalmente por outras categorias como um dos melhores instrumentos que regulam a relação capital e trabalho.

FUP
Imagem para destaque: 
destaque
Crédito da imagem: 
Arquivo
Publicar no destaque principal: 
Publicar no destaque principal
Publicar no destaque secundário: 
off
Compartilhar:

Encontro jurídico da FUP debate perspectivas para a campanha reivindicatória

Publicar no Na Hora: 
Publicar no Na Hora

As assessorias jurídicas da FUP e de seus sindicatos reuniram-se entre os dias 02 e 03 abril, no Rio de Janeiro, para debater estratégias de luta que possam garantir os principais direitos e conquistas dos trabalhadores do Sistema Petrobrás, diante da atual conjuntura de ataques dos gestores da empresa e do governo Bolsonaro.

O encontro discutiu perspectivas negociais para o Acordo Coletivo de Trabalho durante a campanha reivindicatória que se aproxima, cujas propostas serão encaminhadas à direção da FUP.

Imagem para destaque: 
destaque
Crédito da imagem: 
Arquivo
Publicar no destaque principal: 
off
Publicar no destaque secundário: 
off
Compartilhar:

Base de Mossoró aprova pauta reivindicatória para o ACT

Publicar no Na Hora: 
Publicar no Na Hora
Chapéu: 
Forteks
Chamada: 
Assembleia no Alto do Rodrigues será realizada nesta terça-feira, 4 de setembro

Por unanimidade, trabalhadores e trabalhadoras da Forteks Engenharia e Serviços Especiais, lotados em Mossoró, aprovaram pauta reivindicatória para o Acordo Coletivo de Trabalho 2018/2019. A decisão foi tomada em assembleia realizada no último dia 28/08. A proposta ainda deverá ser avaliada pela categoria, no Alto do Rodrigues, no dia 4/9.

Imagem para destaque: 
destaque
Crédito da imagem: 
Arquivo
Publicar no destaque principal: 
off
Publicar no destaque secundário: 
Publicar no destaque secundário
Compartilhar:

PLR: Vale o assinado

Publicar no Na Hora: 
Publicar no Na Hora

Em reunião nesta quinta-feira, 03, com a gerência de RH da Petrobrás, a FUP cobrou o pagamento da PLR 2017 para os trabalhadores de todas as empresas do Sistema. A direção da entidade deixou claro que o pagamento dever ser de metade de uma remuneração, como prevê a metodologia de cálculo da PLR, negociada com a FUP em 2014 e pactuada em Acordo.

Imagem para destaque: 
destaque
Crédito da imagem: 
Arquivo
Publicar no destaque principal: 
Publicar no destaque principal
Publicar no destaque secundário: 
off
Compartilhar:

Excedente de Pessoal: A cláusula que todo ACT gostaria de ter

Publicar no Na Hora: 
Publicar no Na Hora

Desde o dia em que passou a vigorar, em novembro de 2017, a reforma trabalhista (Lei 13.467/17) que retira os direitos dos trabalhadores, dá a liberdade para as empresas realizarem demissões em massa sem que haja qualquer negociação prévia com o sindicato da categoria. Foi o que aconteceu aos professores da UniRitter, no Rio Grande do Sul. O ministro do Tribunal Superior do Trabalho, Ives Granda, autorizou a demissão em massa de 150 profissionais de ensino utilizando os argumentos da nova Lei.

Imagem para destaque: 
destaque
Crédito da imagem: 
Arquivo
Publicar no destaque principal: 
Publicar no destaque principal
Publicar no destaque secundário: 
off
Compartilhar:

PETROBRÁS - Acordo Coletivo de Trabalho 2017-2019

Publicar no Na Hora: 
off

 

Clique aqui para ver o ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2017-2019

Crédito da imagem: 
Arquivo
Publicar no destaque principal: 
off
Publicar no destaque secundário: 
off
Compartilhar:

Com ACT aprovado, trabalhadores e trabalhadoras da Petrobrás mantêm Estado de Greve

Publicar no Na Hora: 
Publicar no Na Hora

Trabalhadores e trabalhadoras da Petrobrás lotados em unidades situadas no Estado do Rio Grande do Norte aprovaram a assinatura da proposta de Acordo Coletivo – 2017/2019 e decidiram manter o Estado de Greve contra as privatizações de ativos da companhia.

As deliberações foram tomadas em Assembleia Geral desmembrada em 16 sessões realizadas em bases administrativas e operacionais, no período de 26 a 29/12.

Imagem para destaque: 
destaque
Crédito da imagem: 
Deivson Mendes
Publicar no destaque principal: 
Publicar no destaque principal
Publicar no destaque secundário: 
off
Compartilhar:

Trabalhadores e trabalhadoras da Petrobrás no RN aprovam ACT e mantêm Estado de Greve

Publicar no Na Hora: 
Publicar no Na Hora

Com a rodada de sessões deliberativas praticamente concluída, trabalhadores e trabalhadoras da Petrobrás no Rio Grande do Norte aprovaram por expressiva maioria os indicativos da FUP/SINDIPETRO-RN e decidiram acatar a proposta de Acordo Coletivo negociada com a companhia, além de manter o Estado de Greve contra as privatizações.

Imagem para destaque: 
destaque
Crédito da imagem: 
Gilson Sá
Publicar no destaque principal: 
Publicar no destaque principal
Publicar no destaque secundário: 
off
Compartilhar:
Divulgar conteúdo