Pular para o menu

Projeto

Jandira Feghali estará em Natal no dia 28 para 11ª edição do Na Trilha da Democracia

Publicar no Na Hora: 
Publicar no Na Hora

Crítica à Proposta de Emenda à Constituição (PEC) nº 6/2019, que modifica o sistema de previdência social do país, enviada pelo governo federal ao Congresso em fevereiro, a deputada Jandira Feghali (PCdoB-RJ), líder da Minoria na Câmara dos Deputados, estará em Natal no próximo dia 28 de março para a 11ª edição do Projeto Na Trilha da Democracia.

Imagem para destaque: 
destaque
Crédito da imagem: 
Arquivo
Publicar no destaque principal: 
Publicar no destaque principal
Publicar no destaque secundário: 
off
Compartilhar:

Brigada petroleira pressiona e Senado tira da pauta projeto que entrega a cessão onerosa

Publicar no Na Hora: 
Publicar no Na Hora
Chapéu: 
Soberania

A FUP e seus sindicatos realizam mais uma força tarefa esta semana em Brasília para impedir a votação no Senado do Projeto de Lei 8.939/17, que autoriza a Petrobrás a abrir mão de 70% dos cinco bilhões de barris de petróleo da Cessão Onerosa do Pré-Sal. De autoria do deputado federal José Carlos Aleluia (DEM-BA), o projeto já foi aprovado a toque de caixa na Câmara e está novamente sofrendo pressão do governo Temer e das petrolíferas estrangeiras para ser votado em regime de urgência também no Senado.

Imagem para destaque: 
destaque
Crédito da imagem: 
FUP
Publicar no destaque principal: 
Publicar no destaque principal
Publicar no destaque secundário: 
off
Compartilhar:

Câmara aprova venda de 70% das reservas da Petrobrás na Cessão Onerosa. Projeto segue para o Senado

Publicar no Na Hora: 
Publicar no Na Hora

Em mais um crime de lesa pátria, os deputados aprovaram na noite desta quarta-feira, 20, o Projeto de Lei 8939/17, que autoriza a Petrobrás a abrir mão de 70% dos cinco bilhões de barris de petróleo da Cessão Onerosa do Pré-Sal. De autoria do deputado José Carlos Aleluia (DEM-BA), o texto seguirá para o Senado, onde os petroleiros intensificarão a luta para impedir que essa entrega seja consumada. Foram 217 votos a favor do projeto, 57 contrários e quatro abstenções.

Imagem para destaque: 
destaque
Crédito da imagem: 
Arquivo
Publicar no destaque principal: 
Publicar no destaque principal
Publicar no destaque secundário: 
off
Compartilhar:

“Na Trilha da Democracia” traz Dilma a Natal para falar sobre os desafios pós-golpe

Publicar no Na Hora: 
Publicar no Na Hora

Elevar a compreensão social sobre o que vem acontecendo no Brasil após o impeachment e debater formas de superar os desafios que o país enfrenta. Estes são os grandes objetivos da oitava edição do Projeto “Na Trilha da Democracia”, que contará com a presença da presidenta eleita Dilma Rousseff. Aberto ao público mediante inscrição prévia, o evento será realizado no próximo dia 24 de agosto, no auditório do Hotel Holiday Inn, em Natal, às 19h00.

Imagem para destaque: 
destaque
Crédito da imagem: 
Arquivo
Publicar no destaque principal: 
Publicar no destaque principal
Publicar no destaque secundário: 
off
Compartilhar:

Projeto de FHC é aprovado pela Câmara e libera terceirização ilimitada

Publicar no Na Hora: 
Publicar no Na Hora
Chapéu: 
Mais um Golpe
Chamada: 
Bancada do governo ilegítimo alega que a medida vai permitir a criação de novos empregos

Com direito a patos infláveis no plenário, em uma sessão iniciadas às 11h e encerrada por volta das 20h30 desta quarta-feira (22), a Câmara dos Deputados aprovou o Projeto de Lei (PL) 4.302, apresentado em 1998, que aprova a terceirização generalizada, em todas as atividades – inclusive na atividade-fim, o que a Justiça do Trabalho veda atualmente –, e também altera regras para o trabalho temporário. Uma decisão que influenciará o próprio projeto de reforma trabalhista enviado em 2016 pelo governo Temer.

Imagem para destaque: 
destaque
Crédito da imagem: 
Arquivo
Publicar no destaque principal: 
off
Publicar no destaque secundário: 
Publicar no destaque secundário
Compartilhar:

RBA: Projeto que altera regras de exploração do Pré Sal vai à sanção presidencial

Publicar no Na Hora: 
off

A Câmara dos Deputados concluiu ontem (9) a votação do projeto de Lei (PL) 4567/16, que altera as regras de exploração de petróleo do pré-sal. Pelo projeto, de autoria do Senado, a Petrobrás deixa de ser operadora exclusiva na exploração da camada. Com a conclusão da votação, o texto agora segue para sanção presidencial.

Imagem para destaque: 
destaque
Crédito da imagem: 
Arquivo
Publicar no destaque principal: 
Publicar no destaque principal
Publicar no destaque secundário: 
off
Compartilhar:

Sob protesto, comissão aprova projeto que altera exploração do pré-sal

Publicar no Na Hora: 
Publicar no Na Hora
Chapéu: 
Brasil

Sob forte resistência de parlamentares da oposição ao governo de Michel Temer (PMDB), foi aprovado nesta quinta-feira (7) o Projeto de Lei 4.567/16 que retira a obrigatoriedade da Petrobras participar da extração de petróleo da camada pré-sal.

“Pelo bem do Brasil, por um futuro de investimentos fortes, para manter o papel estratégico que tem a Petrobras no desenvolvimento de um setor industrial fundamental, temos que fazer o oposto do que está propondo a base golpista de Temer”, protestou Henrique Fontana (PT-RS).

Imagem para destaque: 
destaque
Crédito da imagem: 
Arquivo
Publicar no destaque principal: 
Publicar no destaque principal
Publicar no destaque secundário: 
off
Compartilhar:

Trabalhadores repudiam transformação de estatais em empresas comuns

Publicar no Na Hora: 
Publicar no Na Hora
Chapéu: 
Audiência Pública
Chamada: 
PLS 555 ameaça soberania e abre caminho para a privatização do patrimônio público

Dirigentes e militantes da Federação Única dos Petroleiros – FUP e seus sindicatos participaram na manhã desta terça-feira, 22, de audiência pública no Senado, onde foi debatido o Projeto de Lei 555/2015, que, sob o pretexto de estabelecer uma Lei de Responsabilidade das Estatais, cria uma série de medidas que ameaçam a soberania nacional e abrem caminho para a privatização do patrimônio público.

Crédito da imagem: 
Arquivo
Publicar no destaque principal: 
off
Publicar no destaque secundário: 
Publicar no destaque secundário
Compartilhar:

Projeto de José Serra pode tirar R$360 bilhões da educação

Publicar no Na Hora: 
Publicar no Na Hora
Chapéu: 
Política
Chamada: 
Caso aprovado, PLS 131 de Serra altera o regime de exploração dos recursos naturais do pré-sal

A educação pode perder até R$ 360 bilhões nos próximos 15 anos, ou R$ 24 bilhões por ano, caso seja aprovado o projeto de lei do senador José Serra (PSDB-SP) que altera o regime de exploração dos recursos naturais do pré-sal. A estimativa é do assessor legislativo da Câmara dos Deputados, Paulo César Ribeiro de Lima.

Crédito da imagem: 
Arquivo
Publicar no destaque principal: 
off
Publicar no destaque secundário: 
Publicar no destaque secundário
Compartilhar:

Mobilização derruba regime de urgência do projeto entreguista de Serra

Publicar no Na Hora: 
Publicar no Na Hora
Chapéu: 
PRÉ-SAL
Chamada: 
Categoria permaneceu firme nas galerias do Senado nos dias 7 e 8 para evitar a votação

Nessa quarta-feira (8), após ampla mobilização de trabalhadores do sistema Petrobrás, profissionais da educação, de representantes de movimentos socais e de parlamentares comprometidos com o desenvolvimento do país, que coletaram 46 assinaturas no Senado Federal, foi derrubado o regime de urgência para a votação do projeto entreguista (PL 131), do senador tucano José Serra (PSDB-SP).

Imagem para destaque: 
destaque
Crédito da imagem: 
Arquivo
Publicar no destaque principal: 
Publicar no destaque principal
Publicar no destaque secundário: 
off
Compartilhar:
Divulgar conteúdo