Pular para o menu

RN

Mais uma UPGN é desativada no Rio Grande do Norte

Publicar no Na Hora: 
off
Chapéu: 
EVIDENCIA
Chamada: 
Com decisão, UPGN II é levada à carga máxima, sobrecarregando trabalhadores. Área é extensa e de risco

No Polo Guamaré, a desativação de mais uma Unidade de Processamento de Gás Natural – UPGN vai consolidando um cenário preocupante: o de que a Petrobrás segue, de fato, diminuindo os investimentos em áreas terrestres, a fim de concentrar a atuação nos campos do pré-sal. Com a medida, apenas uma das três unidades que a UTPF dispunha permanecerá em funcionamento.

Imagem para destaque: 
destaque
Crédito da imagem: 
Graziella Sousa
Publicar no destaque principal: 
Publicar no destaque principal
Publicar no destaque secundário: 
off
Compartilhar:

Reforma Política precisa ser pautada pelo pensamento progressista

Publicar no Na Hora: 
off
Chapéu: 
PROTESTOS
Chamada: 
Dilma Rousseff tem uma linha de pensamento capaz de protagonizar uma reforma política democrática

O mundo está atento ao Brasil: o país do futebol. Pátria da seleção que surpreendeu ao derrotar a grandiosa Espanha, mas que, hoje, também é berço de variadas Manifestações. Assim mesmo, com “M” maiúsculo. Isso porque a mídia internacional também vem dando destaque aos protestos protagonizados pelo povo brasileiro e, em sua maioria, conferindo-lhes conotação positiva, já que há um amplo reconhecimento da necessidade de mudanças nas estruturas que regem a Pátria Amada.

Imagem para destaque: 
destaque
Crédito da imagem: 
Graziella Sousa
Publicar no destaque principal: 
Publicar no destaque principal
Publicar no destaque secundário: 
off
Compartilhar:

“O RN ainda justifica grandes investimentos”

Publicar no Na Hora: 
Publicar no Na Hora

Publicado em 21 de abril - site Tribuna

Imagem para destaque: 
destaque
Crédito da imagem: 
Alex Régis
Publicar no destaque principal: 
off
Publicar no destaque secundário: 
off
Compartilhar:

“O Rio Grande do Norte ainda tem petróleo”, diz Sandra

Publicar no Na Hora: 
Publicar no Na Hora
Publicado em 15/03

A deputada federal Sandra Rosado (PSB-RN) usou a tribuna do plenário da Câmara dos Deputados para falar das consequências da falta de investimento por parte da Petrobras no Rio Grande do Norte, o que vem acarretando demissões em massa no setor, principalmente na região de Mossoró-RN. A questão teria se agravado depois da descoberta do pré-sal e assim a empresa passou a investir maciçamente nos estados de São Paulo, Espírito Santo e Rio de Janeiro.

Crédito da imagem: 
Arquivo
Publicar no destaque principal: 
off
Publicar no destaque secundário: 
off
Compartilhar:

Retração de investimentos da Petrobrás no RN

Compartilhar:

Campanha salarial: jornalistas do RN vão às ruas!

Publicar no Na Hora: 
Publicar no Na Hora

A primeira semana da Campanha Salarial dos jornalistas do RN foi encerada com um panfletaço na manhã deste sábado (29/9), na esquina do shopping Midway Mall, no cruzamento das avenidas Salgado Filho e Bernardo Vieira.

Durante a atividade jornalistas e estudantes do curso de Comunicação Social da UnP distribuiram panfletos à população informando sobre a situação da categoria em nosso Estado, onde os jornalistas recebem o menor piso salarial do Brasil: 
R$ 1.050,00.

Crédito da imagem: 
Arquivo
Publicar no destaque principal: 
off
Publicar no destaque secundário: 
off
Compartilhar:

Petroleiros homenageiam centenário de Luiz Gonzaga

Publicar no Na Hora: 
Publicar no Na Hora
Chapéu: 
Rei do Baião
Chamada: 
Abertura do 27º Congresso, em Mossoró, tem palestra e apresentação de trio de forró

Com palestra do historiador e petroleiro Kidelmir Dantas e apresentação de um trio de forró, petroleiros e petroleiras do RN homenagearam o centenário do Rei do Baião, Luiz Gonzaga, durante a abertura do 27º Congresso Estadual da categoria. Para acompanhar os trabalhos, acesse: http://www.ustream.tv/channel/sindipetrornaovivo

Imagem para destaque: 
destaque
Crédito da imagem: 
Arquivo
Publicar no destaque principal: 
Publicar no destaque principal
Publicar no destaque secundário: 
off
Compartilhar:

Petroleiros do RN realizam Congresso Estadual em Mossoró

Publicar no Na Hora: 
off
Chapéu: 
UNIDADE NA LUTA
Chamada: 
Deverão participar trabalhadores e trabalhadoras ativos, além de aposentados e pensionistas

Com o tema “Unidade na Luta por Desenvolvimento com Valorização do Trabalho”, será realizado em Mossoró, no próximo dia 7 de julho, o 27º Congresso Estadual dos Petroleiros. De acordo com informações obtidas junto a diretores do Sindipetro-RN, entidade que promove o evento, deverão participar cerca de 250 trabalhadores e trabalhadoras, pertencentes a empresas dos setores público e privado, atuantes em diversas regiões do Estado, além de aposentados e pensionistas.

Imagem para destaque: 
destaque
Crédito da imagem: 
Arquivo
Publicar no destaque principal: 
Publicar no destaque principal
Publicar no destaque secundário: 
off
Compartilhar:

Terceirizadas ADLIN e Tenasa passam à base do Sindipetro-RN

Publicar no Na Hora: 
off
Chapéu: 
REPRESENTAÇÃO
Chamada: 
Decisão foi tomada em assembleias realizadas na subsede do sindicato, nos dias 15 e 31 de maio

O Sindipetro-RN é o novo representante legal dos trabalhadores da ADLIN e da Tenasa. A decisão foi tomada em assembleias realizadas na subsede do sindicato, em Mossoró, nos dias 15 e 31 de maio. O imobilismo da entidade que supostamente deveria representá-los motivou a decisão. O sindicato não se fazia presente em situações críticas, enfrentadas pelos trabalhadores. Um desses momentos foi quando uma das empresas reduziu arbitrariamente salários e benefícios. A entidade nem sequer apareceu para se apresentar aos trabalhadores e muito menos para defendê-los.

Crédito da imagem: 
Arquivo
Publicar no destaque principal: 
off
Publicar no destaque secundário: 
off
Compartilhar:

SINDIPETRO-RN consegue liberação do FGTS para trabalhadores

Publicar no Na Hora: 
off
Chapéu: 
WORKTIME
Chamada: 
Departamento Jurídico solicitou redistribuição dos processos da 1ª e 2ª varas para a 3ª, que deu o parecer favorável

O Departamento Jurídico do SINDIPETRO-RN solicitou a Primeira e Segunda Varas do trabalho, em Mossoró, a redistribuição dos processos individuais dos trabalhadores da WORKTIME para a Terceira Vara, do mesmo município. Isto, porque aqueles trabalhadores que deram entrada em suas ações nessa última Vara receberam parecer favorável à liberação do FGTS devido pela terceirizada. Os juízes das outras Varas, por outro lado, negaram, neste momento, mas a expectativa era de que eles fizessem a liberação durante a audiência.

Crédito da imagem: 
Arquivo
Publicar no destaque principal: 
off
Publicar no destaque secundário: 
Publicar no destaque secundário
Compartilhar:
Divulgar conteúdo