Pular para o menu

CD da FUP aprova indicativo de greve por tempo indeterminado

Publicar no Na Hora: 
Publicar no Na Hora

Em reunião realizada nos dias 14 e 15/11, em Curitiba-PR, o Conselho Deliberativo da Federação Única dos Petroleiros – FUP aprovou o indicativo de greve por tempo indeterminado, com data a ser definida, caso a Direção da Petrobrás insista com a apresentação de proposta que signifique redução de direitos como descritos e consagrados no Acordo Coletivo de Trabalho 2015/2017.

Imagem para destaque: 
destaque
Crédito da imagem: 
Arquivo
Publicar no destaque principal: 
Publicar no destaque principal
Publicar no destaque secundário: 
off
Compartilhar:

RN: Greve por tempo indeterminado obteve aprovação superior a 82%

Publicar no Na Hora: 
Publicar no Na Hora

Por ampla maioria, os trabalhadores e trabalhadoras do Sistema Petrobrás, lotados nas bases da companhia sediadas no Rio Grande do Norte, decidiram referendar a realização da greve, por tempo indeterminado, a ser deflagrada a qualquer momento, em data a ser indicada pela Federação Única dos Petroleiros – FUP. As sessões deliberativas destinadas a apreciar a proposição foram concluídas nesta sexta-feira, 11, com a realização de uma concorrida assembleia, na sede administrativa da Petrobrás, em Natal.

Imagem para destaque: 
destaque
Crédito da imagem: 
Arquivo
Publicar no destaque principal: 
Publicar no destaque principal
Publicar no destaque secundário: 
off
Compartilhar:

Assembleias prosseguem referendando GREVE por tempo INDETERMINADO

Publicar no Na Hora: 
Publicar no Na Hora

Nesta quarta-feira, 09, a Diretoria Colegiada do SINDIPETRO-RN vem dando prosseguimento à rodada de assembleias destinada a discutir encaminhamentos referentes à Campanha Reivindicatória 2015/17 dos trabalhadores e trabalhadoras do Sistema Petrobrás. A agenda do turno da manhã contemplou uma sessão deliberativa na Base-34, em Mossoró. Na parte da tarde, será a vez do campo de Riacho da Forquilha, do Ativo de Produção de Alto do Rodrigues e da Transpetro – Macaíba.

Imagem para destaque: 
destaque
Crédito da imagem: 
Arquivo
Publicar no destaque principal: 
Publicar no destaque principal
Publicar no destaque secundário: 
off
Compartilhar:

Trabalhadores da Souza Neto Engenharia retomam greve

Publicar no Na Hora: 
Publicar no Na Hora
Chapéu: 
Setor Privado
Chamada: 
A categoria alega não ter dinheiro sequer para o transporte e alimentação (em casa e no trabalho)

Com salários ainda em atraso e sem as mínimas condições necessárias ao desempenho das atividades, os trabalhadores e trabalhadoras da Souza Neto Engenharia voltaram a entrar em greve. Aprovada por ampla maioria, a decisão foi tomada em assembleia realizada nesta terça-feira, 20, na Base-34, em Mossoró. A categoria alega não ter dinheiro sequer para o transporte e alimentação (em casa e no trabalho), além de estar descoberta pelo plano de saúde.

Imagem para destaque: 
destaque
Crédito da imagem: 
Deivson Mendes
Publicar no destaque principal: 
off
Publicar no destaque secundário: 
Publicar no destaque secundário
Compartilhar:

Greve tem forte adesão no Rio Grande do Norte e produção já é afetada

Publicar no Na Hora: 
off
Chapéu: 
1º DIA DE GREVE
Chamada: 
Petroleiros também reivindicam arquivamento do PL 4330 e cancelamento do leilão de Libra

Trabalhadores petroleiros de todo o País iniciaram, nesta quinta-feira, 17, uma greve nacional, com parada de produção, por tempo indeterminado. O movimento vem em resposta à contraproposta de Acordo Coletivo apresentada pela Petrobrás no último dia 7 de outubro, cujo conteúdo foi avaliado pelas entidades sindicais como “incompleto e insuficiente”.

Imagem para destaque: 
destaque
Crédito da imagem: 
SINDIPETRO-RN
Publicar no destaque principal: 
off
Publicar no destaque secundário: 
off
Compartilhar:

Trabalhadores da ETX voltam a cruzar os braços por tempo indeterminado

Publicar no Na Hora: 
off
Chapéu: 
SETOR PRIVADO
Chamada: 
A decisão foi tomada em razão do descumprimento de um acordo emergencial firmado pela Empresa

Os trabalhadores da ETX voltaram a cruzar os braços por tempo indeterminado. A decisão foi tomada em razão do descumprimento de um acordo emergencial firmado pela Empresa, o qual dava fim ao último movimento grevista, encerrado em 17 de agosto. Apesar de a greve ter sido iniciada na sexta-feira, 11, a assembleia que avalizou o movimento aconteceu nesta segunda-feira, 14, na subsede do SINDIPETRO-RN, em Mossoró.

Imagem para destaque: 
destaque
Crédito da imagem: 
SINDIPETRO-RN
Publicar no destaque principal: 
off
Publicar no destaque secundário: 
off
Compartilhar:

Greve geral por tempo indeterminado a partir do dia 20!

Publicar no Na Hora: 
Publicar no Na Hora
Chapéu: 
Por uma PLR justa
Chamada: 
Unidade de ação é fundamental para demonstrar a força da categoria petroleira e alcançar conquistas

A hora de preparar a greve é agora. Em todos os setores, trabalhadores e trabalhadoras devem se reunir para definir como a parada será realizada. A greve é por tempo indeterminado. Isto significa que quanto mais forte ela for, mais rápido será o desfecho. Em outras palavras, a direção da Petrobrás precisa sentir, de imediato, a insatisfação da categoria petroleira, seja nos escritórios, seja nas áreas de exploração e produção.

Imagem para destaque: 
destaque
Crédito da imagem: 
Arquivo
Publicar no destaque principal: 
Publicar no destaque principal
Publicar no destaque secundário: 
off
Compartilhar:
Divulgar conteúdo