Pular para o menu
1462806112

Petroleiros da Sede Natal têm assembleia nesta terça-feira, 10, a partir das 8h

09 de maio de 2016 às 12:01

destaque

Foto: Arquivo

A Diretoria Colegiada do SINDIPETRO-RN convida os petroleiros e petroleiras para uma assembleia geral extraordinária, a ser realizada nesta terça-feira, 10 de maio, às 8h00, em frente ao portão principal de entrada da sede administrativa da Petrobrás, em Natal. O objetivo é discutir o quadro político nacional, em um momento histórico crucial para o futuro da classe trabalhadora e do povo brasileiro.

Amplamente denunciado pela imprensa internacional, o golpe parlamentar-jurídico-midiático em curso, travestido de impeachment, visa promover a ruptura com o Estado Democrático de Direito, a fim de recolocar o Poder Executivo central sob estrito controle da oligarquia financeira internacional, dos grupos monopolistas associados ao capital estrangeiro e dos latifundiários.

Ironicamente chamado de “Ponte para o futuro”, o programa elaborado pelos apoiadores do vice-presidente, Michel Temer, é a confissão antecipada dos crimes que se pretende praticar. Nele, os golpistas defendem a privatização do patrimônio público; mudança do regime de partilha no pré-sal; eliminação de obrigações constitucionais com Saúde e Educação; elevação da idade mínima para aposentadoria; fim da política de reajuste do salário mínimo; entre outros absurdos.

Além disso, segundo levantamento realizado pelo Departamento Intersindical de Assessoria Parlamentar – Diap, encontram-se tramitando no Congresso Nacional cerca de 55 projetos de lei que também ameaçam diversos direitos sociais e trabalhistas. Entre estes, encontram-se proposições que retiram restrições à terceirização e que preveem a prevalência do negociado sobre o legislado. Como a quase totalidade dessas iniciativas é proposta por parlamentares comprometidos com o golpe, pode-se prever o desastre social, em um futuro governo Temer.

Nas ruas – Também nesta terça-feira, 10, trabalhadores de diferentes categorias profissionais e diversos movimentos sociais estarão saindo às ruas de todo o país para protestar em um Dia Nacional de Luta contra o golpe, em defesa da democracia, da soberania, por mais direitos e combate à corrupção.

Em Natal, petroleiros e petroleiras deverão se juntar aos demais trabalhadores e trabalhadoras na manifestação que terá como ponto de concentração o cruzamento das avenidas Bernardo Vieira e Salgado Filho (Midway – IFRN), a partir das 16h00. Em seguida, os presentes seguirão em caminhada pela BR-101.

O Dia Nacional de Paralisações e Mobilizações será encerrado com um Ato Cultural, na Praça do Campus Universitário da UFRN, às 19h00.

Compartilhar: