Pular para o menu

RN atinge recorde de 4 gw de potência em energia eólica

Publicar no Na Hora: 
Publicar no Na Hora

O Rio Grande do Norte entra para a história ao ser o primeiro estado do Brasil a atingir a marca de 4 gw (gigawatts) de potência instalada por turbinas eólicas

Imagem para destaque: 
destaque
Crédito da imagem: 
Arquivo
Publicar no destaque principal: 
off
Publicar no destaque secundário: 
off
Compartilhar:

Convênio com CTGAS-ER garante desconto em Curso de Energia Eólica

Publicar no Na Hora: 
Publicar no Na Hora
Chapéu: 
Parceria
Chamada: 
Inscrições abertas com previsão de encerramento condicionada ao fechamento de turmas

Parceiro do SINDIPETRO-RN, com quem mantém convênio em benefício de sindicalizados e dependentes, o Centro de Tecnologias do Gás e Energias Renováveis-CTGAS-ER inicia, ainda neste mês de novembro, mais um curso semipresencial de Especialização de Nível Técnico em Energia Eólica. As inscrições já estão abertas, com previsão de encerramento condicionada ao fechamento de turmas com número mínimo de participantes.

Crédito da imagem: 
Arquivo
Publicar no destaque principal: 
off
Publicar no destaque secundário: 
Publicar no destaque secundário
Compartilhar:

Produção de eólicas atinge 114% de alta no primeiro semestre

Publicar no Na Hora: 
Publicar no Na Hora
Chapéu: 
Setor Energético
Chamada: 
Dados da CCEE mostram que geração cresceu 114% e representatividade da fonte na matriz energética brasileira alcançou 3%

As usinas eólicas brasileiras aumentaram em 114% a produção de energia no primeiro semestre de 2015. De acordo com levantamento da Câmara de Comercialização de Energia Elétrica – CCEE, a geração média nos seis primeiros meses deste ano foi de 1.840 MW médios frente aos 860 MW médios alcançados no mesmo período do ano anterior.

Imagem para destaque: 
destaque
Crédito da imagem: 
Arquivo
Publicar no destaque principal: 
off
Publicar no destaque secundário: 
off
Compartilhar:

Natal sedia workshop internacional para debater energia eólica

Publicar no Na Hora: 
Publicar no Na Hora

Evento promovido pela Fapern é primeira fase para implantação do Instituto Internacional de Tecnologia em Energia Eólica voltado para o setor no estado.

Crédito da imagem: 
Arquivo
Publicar no destaque principal: 
off
Publicar no destaque secundário: 
off
Compartilhar:

Energia eólica é destaque em leilões

Publicar no Na Hora: 
Publicar no Na Hora

A energia eólica foi a grande vedete dos dois leilões realizados esta semana pelo governo federal. Da capacidade total comercializada entre quarta-feira e ontem, 48% são de usinas movidas pelo vento. Como nas disputas de 2009 e 2010, o preço médio das eólicas surpreendeu. Desta vez ficou abaixo de R$ 100 o megawatt/hora (MW), mais barato que o da energia hidrelétrica comercializada no leilão. Na quarta-feira, foram vendidos 1.067 MW pelo preço médio de R$ 99,58. Na disputa de ontem, foram contratados 861 MW por R$ 99,54.

Crédito da imagem: 
Arquivo
Publicar no destaque principal: 
off
Publicar no destaque secundário: 
off
Compartilhar:

RN fica em último lugar no primeiro dia de leilão de energia eólica

Publicar no Na Hora: 
Publicar no Na Hora

Dos 75 projetos que habilitou para o certamente, só conseguiu emplacar dois.

Crédito da imagem: 
Arquivo
Publicar no destaque principal: 
off
Publicar no destaque secundário: 
off
Compartilhar:

RN é favorito para leilão para a venda de energia

Publicar no Na Hora: 
Publicar no Na Hora
Chapéu: 
FONTES ALTERNATIVAS
Chamada: 
De acordo com a Sedec, o estado parte na frente com o maior número de projetos habilitados e capacidade instalada

O Rio Grande do Norte vai participar com 75 projetos de mais um leilão para a venda de energia com fontes energéticas alternativas como eólicas, a biomassa, Pequenas Centrais Hidrelétricas e térmicas a gás natural. A disputa vai amanhã e quinta-feira e a Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico (Sedec) acredita que o estado é um dos favoritos para conseguir viabilizar as transações.

Crédito da imagem: 
Arquivo
Publicar no destaque principal: 
off
Publicar no destaque secundário: 
off
Compartilhar:

RN terá o maior número de parques eólicos nos leilões de energia

Publicar no Na Hora: 
Publicar no Na Hora
Chapéu: 
LIDERANÇA REPETIDA
Chamada: 
A oferta de energia dos projetos potiguares chega a 1.989 MW, cerca de 32,86% do total que deverá participar dos leilões

Empresa de Pesquisa Energética (EPE) divulgou nesta segunda, 8 de agosto, o total de projetos habilitados no país para os leilões de energia que serão realizados nos dias 17 e 18 deste mês.

Crédito da imagem: 
Arquivo
Publicar no destaque principal: 
off
Publicar no destaque secundário: 
off
Compartilhar:

Instituto de Meio Ambiente já aprovou 82 projetos para leilão de energia

Publicar no Na Hora: 
Publicar no Na Hora

De acordo com o diretor do órgão, Marcelo Toscano, 96 projetos foram apresentados até agora. Todos dependem de licenças ambientais.

Crédito da imagem: 
Arquivo
Publicar no destaque principal: 
off
Publicar no destaque secundário: 
off
Compartilhar:

Atração de investimentos acelera geração eólica no país

Publicar no Na Hora: 
Publicar no Na Hora

Recentemente, o Brasil entrou para a lista dos 15 países mais atrativos para investimentos em energias renováveis pela primeira vez. A expansão de energia eólica foi fator decisivo para que o país subisse quatro posições no último trimestre, chegando à 12ª colocação, no estudo realizado pela consultoria Ernst & Young.

Crédito da imagem: 
Arquivo
Publicar no destaque principal: 
off
Publicar no destaque secundário: 
off
Compartilhar:
Divulgar conteúdo