Pular para o menu
1582120422
Justiça

Desembargadora do TRT/PR determina suspensão das demissões da Petrobras

Decisão foi tomada em audiência de conciliação realizada na tarde desta terça-feira (18)

19 de February de 2020 às 10:53

destaque

Foto: Arquivo

Em audiência de conciliação realizada na tarde desta terça-feira (18) no Tribunal Regional do Trabalho do Paraná, em Curitiba, desembargadora que examinou a demanda dos petroleiros determinou que as demissões realizadas pela Petrobras na Araucária Nitrogenados (Ansa), antiga Fábrica de Fertilizantes Nitrogenados do Paraná, sejam suspensas até o dia 6 de março para que sejam promovidas negociações com vistas a solucionar o drama dos trabalhadores e trabalhadoras da empresa.

A audiência contou com a presença de representantes dos petroleiros e da direção da empresa, que manteve a postura intransigente e se opôs à conciliação. Perante a divergência de posições e interesses, a desembargadora decidiu suspender as demissões.

A petroleira Fátima Viana, dirigente da Federação Única dos Petroleiros (FUP) acompanhou a audiência e considerou o resultado “uma grande vitória da categoria, que está em greve nacional há 17 dias. A decisão da desembargadora abre uma janela para a solução do conflito, visto que a readmissão na empresa é uma das nossas principais reivindicações”.

Ainda não está claro se a direção da Petrobras vai aproveitar esta janela de oportunidade para encerrar o conflito ou apostar na radicalização e recorrer da decisão.

CTB

Compartilhar: