Pular para o menu
1504539274

Sindicato conclama para rodada de assembleias da Campanha Reivindicatória

04 de September de 2017 às 12:34

destaque

Foto: Arquivo

O SINDIPETRO-RN conclama os trabalhadores e trabalhadoras do Sistema Petrobrás para participar de uma rodada de assembleias que percorrerá as principais bases da companhia no Estado. As sessões deliberativas serão realizadas no período de 5 a 12/09 e têm por objetivo apreciar proposta de Termo Aditivo à Pauta de Reivindicações, com salvaguardas para evitar os impactos da contrarreforma trabalhista e também da lei que libera a terceirização para as atividades-fim.

Durante a consulta à categoria, o Sindicato intensificará o debate sobre estratégias de luta e enfrentamento às privatizações e à retirada de direitos. Também será levada à discussão proposta de desconto assistencial de 2% incidindo na remuneração de ativos (salário básico e demais adicionais) e aposentados (Petros e INSS), nos meses de outubro, novembro e dezembro, sendo 1% destinado à FUP e 1% para os sindicatos.

Os recursos extraordinários têm em vista financiar uma campanha que começa com certa dose de imprevisibilidade, mas que deverá se caracterizar por ser um enfrentamento ainda mais duro e desigual, quando comparado às campanhas reivindicatórias anteriores. Graças às recentes medidas aprovadas pelo Congresso Nacional, os gestores da Petrobrás poderão dispor de um arsenal de manobras e artifícios ainda pouco conhecidos.     

Prorrogação

A Direção da Petrobrás decidiu prorrogar a vigência do atual Acordo Coletivo de Trabalho – ACT e seus aditivos, até 10 de novembro, véspera da entrada em vigor da Lei 13.467/17 – a famigerada Reforma Trabalhista. A decisão de adiar a validade do ACT atende a uma solicitação da Federação Única dos Petroleiros – FUP – e foi comunicada à entidade na tarde de quinta-feira, 31 de agosto.

No documento encaminhado à FUP, os gestores da Petrobrás comunicam a decisão já tentando pressionar a categoria para fechar um acordo apressadamente, facilitando a retirada de direitos. Aprovada em tempo recorde pelo Congresso Nacional, a contrarreforma trabalhista que entra em vigor em 11/11 impõe diversos retrocessos nas relações de trabalho, invertendo o conceito básico de legislação trabalhista, a fim de proteger empresários.

 Veja, a seguir, o calendário de assembleias deliberativas, e participe!

ASSEMBLEIA GERAL - AGENDA DE SESSÕES DELIBERATIVAS

DIA

HORA

BASE

05/09 (Terça-feira)

5h30

Embarque Mar

 

7h00

Lorena

 

12h00

Canto do Amaro

06/09 (Quarta-feira)

8h30

Sede Natal

 

8h30

Base 34

 

16h00

Transpetro (Mossoró)

08/09 (Sexta-feira)

12h00

Polo Guamaré

12/09 (Terça-feira)

5h30

Embarque Mar

 

7h00

Riacho da Forquilha

 

12h00

S-7

 

12h00

UTE-JSP

Arquivos anexados
Compartilhar: